FRANCESINHA Um ícone da Antiga Mui Nobre, Sempre Leal e Invicta Cidade do Porto”

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

ORIGEM E TRADIÇÃO

Ø As francesinhas nasceram no Porto no restaurante “A Regaleira”, na Rua do Bonjardim, na década de sessenta, pela mão de um emigrante, o Sr. Daniel David Silva, regressado de França;

Ø A partir do croque-monsieur (especialidade típica nos cafés franceses), inventou esta fantástica iguaria;

Ø Este “iluminado”, ajustou certos ingredientes ao paladar e à cultura gastronómica das gentes do Porto, produzindo o “tal” molho, que é a alma deste petisco;

Ø Transformou algo “simples” e sem expressão,em algo com vida, alma e identidade, cuja degustação não deixa nenhum mortal
indiferente.

Francesinha do Porto

INGREDIENTES Francesinha (individual):

Ø 2 – Fatias de pão de forma;
Ø 3 – Fatias de fiambre;
Ø 7 – Fatias de queijo;
Ø 1 – Linguiça;
Ø 2 – Fatias de paio;
Ø 1 – Bife 150g a 200g.

Para o Molho (4 pessoas):molho francesinha

Ø 1 – Sopa de marisco;
Ø 1 – Sopa de rabo de boi;
Ø 3 – Cebolas médias;
Ø 6 – Dentes de alho;
Ø 2 – Folhas de louro
Ø Salsa q.b.;
Ø Azeite q.b.;
Ø Sal q.b.;
Ø Piri-piri q.b.;
Ø Farinha tipo ”Maizena” para engrossar q.b.;
Ø 2 – Colheres de sopa de polpa de tomate;
Ø 1 – Cerveja;
Ø 1 – Cálice de brandy, ou whisky ou água ardente;
Ø 1 – Cálice de vinho do Porto;
Ø 1 – Copo de vinho branco (maduro ou verde).

SEGREDOS DO MOLHO

Ø Efectivamente, o principal segredo da Francesinha, está na confecção do molho;
Ø A proporcionalidade quantitativa das diversas bebidas (cerveja, espirituosas, vinho do Porto, vinho de mesa, entre outras), que compõem o molho afecta a maior ou menor “acidez ou doçura” do mesmo, bem como o paladar final. 8

PREPARAÇÃO E CONFECÇÃO Francesinha – da base para o topo:

preparação e confecção da Francesinha

Ø Fatia de pão de forma (1 uni.);
Ø Fiambre (1 uni.) + queijo (1 uni.);
Ø Paio (1 uni.);
Ø Bife (1 uni.);
Ø Fiambre (1 uni.) + Queijo (1 uni.) + Paio (1 uni.);
Ø Linguiça aberta (1 uni.);
Ø Fatia de pão de forma (1 uni.);
Ø Queijo (5 uni.);
ü Depois de colocado o queijo, levar ao forno para que
este derreta e gratine!
ü Nota: Preferencialmente, grelhar a linguiça e o bife. 9

PREPARAÇÃO E CONFECÇÃO do Molho:

1. Colocar num tacho o azeite, os alhos picados, a cebola picada, as folhas de loureiro, sal e salsa;
2. Deixar refogar, acrescentando um pouco de água e mexendo de vez em quando;
3. Quando começar a alourar, adicionar a cerveja, a polpa de tomate, o piri-piri, as bebidas espirituosas, o vinho do
Porto, o vinho de mesa;
4. Deixar ferver aproximadamente 10 minutos, mexendo de vez em quando;
5. Retirar as folha de loureiro;
6. Ralar tudo muito bem com a varinha mágica;
7. Preparar as sopas, de marisco e rabo de boi, separadamente e de forma individual, (demora cerca de 15 minutos);
8. Acrescentar as sopas ao “molho” principal (estrugido);
9. Ralar novamente com a varinha (cerca de 2 minutos);
10. De forma a apurar, deixar ferver 10 minutos, mexendo continuamente e servir bem quente;
11. Se necessário, engrossar o molho com farinha tipo “Maizena”.

PREPARAÇÃO E CONFECÇÃO

Originalmente, a francesinha era servida de forma simples, todavia, actualmente é, ou pode ser, servida e/ou acompanhada por:
Ø Ovo frito;

francesinha com ovo frito

 

 

 

 

 

 

 

Ø Batata frita;

francesinha com batata frita

 

 

 

 

 

 

 

 

Ø Lagostim ;

francesinha com lagostim

 

 

 

 

 

 

 

Ø A bebida que melhor representa e acompanha esta fabulosa e distinta iguaria Portuense, é a cerveja!

NA ROTA DO TURISMO

Ø Saborear uma francesinha é uma dessas “obrigações” sempre que se vem à Invicta;
Ø As francesinhas já são um dos postais mais genuínos da cidade;
Ø O maior restaurante instalado na cidade do Porto, funciona durante o Festival Anual da Francesinha, reunindo dezenas de restaurantes da cidade especialistas neste prato. Este evento atrai milhares de pessoas;

Ø A francesinha, já é indissociável do “Património” da Cidade do Porto.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tagged , , , . Bookmark the permalink.

One Response to FRANCESINHA Um ícone da Antiga Mui Nobre, Sempre Leal e Invicta Cidade do Porto”

  1. ilitch cunha says:

    gostei muitos das vcs receitas espero q colocam novo pratos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*